3 minutes reading time (555 words)

Ansiedade: O mal do século

cuide-da-sua-ansiedade-hoje

A ansiedade é considerada por muitos o mal do século, pelo menos uma vez na vida nos tivemos sintomas ansiosos, em situações como falar em público, expectativa para datas importantes, entrevistas de emprego, vésperas de provas, exames de saúde, entre outras normalmente nos sentimos assim.

Porém, algumas pessoas, vivenciam esta reação de forma mais frequente e intensa, que pode ser considerado um transtorno e comprometer a saúde física e emocional. Mas, como saber quando a ansiedade normal ultrapassa os limites e pode ser considerada um transtorno?

A ansiedade pode ser considera transtorno quando a pessoa passa a sentir sintomas físicos e emocionais, como: suor excessivo, medo de situações futuras, coração acelerado, pensamentos negativos e/ou catastróficos, falta de ar, entre outros.

Para pessoas que não vivenciam esse sentimento, pode parecer até bobagem, mas para aqueles que tem ansiedade pequenas coisas se tornam difíceis e desastrosas. Muitas vezes não permitindo que o indivíduo siga uma vida normal.

Em que situações devemos buscar ajuda?

Segue abaixo 10 situações que pessoas ansiosas vivenciam:

1)Enxergam perigo em tudo: Uma simples ida à padaria pode se tornar um problema, o indivíduo pensa que diversas coisas ruins podem acontecer a todo momento, um acidente de carro, ser atropelado, ou até mesmo que não encontrará o que busca.

2)Comer sem fome, compulsão alimentar: Não faltam situações que nos fazem buscar o conforto na comida. Para o ansioso, a comida se torna um refúgio no qual desconta as emoções, o qual o alimento é uma válvula de escape.

3)Alterações no sono: Sentem dificuldade para dormir, ou ás vésperas de datas importantes sentem insônia e começam a pensar no que pode acontecer no dia seguinte. Repassam mentalmente a rotina diversas vezes e encontram situações de risco.

4)Sofrem com tensão muscular: Sentem dores no pescoço, nuca, ombros e cabeça.

5)Preocupar-se em excesso: Estão sempre pensando no que pode acontecer de errado, preocupam-se muito com o futuro.

6)Ficar à beira de um ataque de nervos: Irritabilidade, mudanças de humor repentinas. A pessoa que é aparentemente calma, tem episódios de raiva, passam da euforia ao pranto repentinamente. Esses sintomas surgem no momento de maior pressão e estresse.

7)Conviver com medos irracionais: Para o ansioso, algo ruim pode acontecer a qualquer momento, sentem medo do fracasso, de não ser aceito, de acidentes, entre outros. O excesso de medo podem comprometer as relações familiares e profissionais.

8)Inquietação constante: Mexem as pernas, pés e mãos o tempo todo. Não conseguem ficar no mesmo lugar por muito tempo.

9)Sofrem com sintomas físicos: Nos momentos de ansiedade, podem surgir sintomas físicos como tremores, cansaço fácil, sensação de falta de ar ou asfixia, coração acelerado, suor excessivo, mãos frias e suadas, boca seca, tontura, náuseas, diarreia, desconforto abdominal, ondas de calor, calafrios, micção frequente, dificuldade para engolir, sensação de engasgo, entre outros.

10) Pensamento obsessivo: O pensamento obsessivo é uma incapacidade de ganhar controle sobre pensamentos e imagens angustiantes e recorrentes.

Se você tem pelo menos cinco desses sintomas já está na hora de buscar ajuda de um psicólogo!

O psicólogo irá te ajudar a compreender o motivo da ansiedade e te ajudará na mudança de pensamento e comportamento, para melhorar a qualidade de vida e enfrentar situações que lhe causam esse sintoma. Ele irá te proporcionar um ambiente acolhedor e neutro, sem julgamentos ou estímulos negativos. psicólogo trabalharão juntos para uma melhora contínua.

Dra Vivian Fritzke CRP/SC 13073

Otorrinolaringologia
ENDOCARDITE BACTERIANA